17
Wed, Jan
0 New Articles

Vinte e quatro empresas formalizam adesão ao Polo Industrial Químico em Guaíuba

Sindquímica
Typography

Vinte e quatro empresas vão aderir oficialmente ao Polo Industrial Químico em Guaíuba, na Região Metropolitana de Fortaleza. O evento de formalização das assinaturas, conduzido pelo Sindquímica Ceará, será na próxima quinta-feira, 12/11, a partir das 18h, na sede da FIEC, em Fortaleza.



O condomínio é composto por essas 24 indústrias do setor químico e terá um investimento entre 80 e 100 ilhões de reais, gerando 2 mil empregos diretos, podendo chegar a 7 mil, contando com os empregos indiretos.

A expectativa do setor é que o equipamento já esteja em funcionamento entre 2017 e 2018. Os empresários estão negociando junto ao Governo do Estado a terraplanagem e arruamento do terreno, dando condições de funcionamento do complexo industrial pioneiro no estado.

O empreendimento será administrado pelos empresários que se instalarem no local, cabendo a eles arcar com custos de energia, comunicação, além da implantação de espaços como laboratórios para análise de qualidade, restaurantes e auditório para eventos.

A ideia é que os empresários possam compartilhar diversas áreas do condomínio, como auditório, refeitório e áreas destinadas à segurança e ao controle de qualidade. O fato das empresas estarem reunidas em um mesmo espaço também implicará na redução de custos para os proprietários, uma vez que será possível, por exemplo, realizar compras coletivas, dividindo o valor da aquisição e do frete.

Estão previstas para se instalarem no local empresas de diversos segmentos, a exemplo de materiais de limpeza, tinta, cosméticos e embalagens. O empreendimento resulta de uma parceria entre a Prefeitura de Guaiúba, Sindiquímica e o Governo do Estado.

Para a construção do condomínio industrial, a Prefeitura de Guaiúba ofereceu o terreno e a infraestrutura necessária. A área doada pelo município tem 45 hectares e será dividida em lotes de 0,9 a 1,4 hectares.